Landing page para concessionárias: como criar uma máquina de leads?

Tempo de leitura: 8 minutos

[Total: 0    Média: 0/5]

Pense nas landing pages como a parte mais importante da campanha online da sua concessionária. Se elas não conseguem envolver o usuário, você perdeu tudo o que realmente importa.

A landing page é a página de destino dos calls-to-action (CTAs) em e-mails, anúncios (links patrocinados e redes sociais) e outros canais de geração de tráfego.

O objetivo delas é captar os telefones ou e-mails dos visitantes para que a concessionária identifique o lead e crie estratégias para guiá-lo pelo funil de vendas.

Só que criar landing pages de alta conversão envolve muita pesquisa e teste. Você precisa ter algumas noções na manga e, claro, as ferramentas adequadas.

Está preparado para começar as conversões? Continue lendo para aprender mais sobre:

  • A importância das landing pages
  • Como aproveitar o potencial das landing pages
  • Como construir uma landing page de alta conversão em 5 passos

landing pages concessionarias

Por que landing pages são importantes?

Você deve estar pensando: “Eu já tenho um site bonito, não preciso criar uma landing page”.

Pelo contrário! As landing pages cumprem um papel diferente dos sites. O objetivo delas é aumentar a conversão de uma oferta específica. Já o site reúne outras informações sobre a concessionária.

Landing pages de alta conversão precisam ser imersivas e entregar experiência para o usuário, oferecendo design e informação.

Embora o conteúdo seja uma parte fundamental da landing page, o excesso de informação tende a reduzir a taxa de conversão. Assim, elas devem conter apenas informações essenciais da oferta, distribuídas de acordo com algumas técnicas que citarei mais abaixo.

Explorando o potencial das landing pages

Um erro comum das concessionárias é achar que as landing pages servem unicamente ao anúncio de ofertas de carro.

Porém, se bem integradas à estratégia de marketing digital da concessionárias, podem ser utilizá-las de outras formas, como parte do marketing de conteúdo.

A landing page é uma página de oferta: tanto pode servir para oferecer diretamente um test-drive do veículo como também conteúdos que sejam de interesse da persona.

Pensando nos perfis de compradores de carros no Brasil, muitos buscam informações sobre os modelos, opções de financiamento e pós-venda.

A concessionária pode oferecer materiais que ajudem o usuário e, ao mesmo tempo, estimulem sua migração entre as etapas do funil de vendas.

Assim, quando o lead for contactado pelo encantador, já estará pronto para fechar a compra.

Animado para construir uma landing page para a sua concessionária? Confira agora nossas 5 dicas para criar uma landing page de alta conversão.

1. Crie títulos impactantes

O cabeçalho é a parte mais importante de uma landing page, De acordo com uma pesquisa do Copyblogger, 8 em cada 10 pessoas que visitam uma página só leem o cabeçalho.

Assim, ele precisa fazer com que o visitante compreenda rapidamente a oferta e se sinta atraído.

Inclua sempre um título impactante e objetivo, que reforce a funcionalidade do produto para o usuário. Bons títulos ajudam a indexar melhor a landing page nos mecanismos de busca. Acrescente, também no cabeçalho, a logomarca da empresa.

Dica: Ao construir as landing pages, utilize as palavras-chave compradas para o anúncio. Isso ajuda o usuário a encontrar mais facilmente o resultado, aumenta a sua taxa de conversão e diminui o custo por clique do anúncio (pelo aumento do Quality Score).

2. Use vídeos

Se o título chama o usuário, os vídeos são o elemento persuasivo definitivo para que eles permaneçam na página.

Lembre-se de que a compra de carros no Brasil ainda envolve um importante elemento: a experiência. E a melhor forma de entregar essa informação pela internet é utilizar vídeos ou imagens 360º.

O consumo de vídeos entre brasileiros é tão grande que 56% dos brasileiros passam mais tempo assistindo vídeos online do que televisão.

Use vídeos de boa qualidade, com imagens chamativas do veículo — geralmente disponibilizadas pelas montadoras.

Dica: Use  lightboxes para melhorar a experiência do usuário na landing page. São películas colocadas sobre o vídeo para melhorar o contraste entre o conteúdo do vídeo e as informações que estão disponíveis na página.

landing pages concessionárias

3. Destaque o formulário

A parte mais importante da sua landing page é o formulário. Nele, constam campos para coleta de informações do usuário.

Uma boa landing page solicita apenas informações pertinentes para fechar o negócio, como nome, telefone ou e-mail do lead.

Se o usuário ainda não teve contato com a concessionária, provavelmente não vai preencher um formulário longo. Por isso, faça testes para descobrir qual formulário tem melhor performance e gera mais leads. Teste sempre!

Dê destaque ao seu formulário. Use cores de contraste, bordas e, sempre que possível, setas que indiquem o caminho que o usuário deve fazer na página.

Dica: Deixe claro para o usuário o que você vai fazer com aquelas informações (se o encantador entrará em contato, por exemplo, ou se enviará e-mails). Esse tipo de interação gera confiança.

4. Inclua CTAs

Botões de call-to-actions são as ações que você quer que o usuário realize. Por exemplo, “Agende um test-drive” ou “Solicite uma cotação”.

Crie um botão simples e direto, em cores de contraste, que contenham verbos de ação no imperativo — ou seja, em tom ordem. Assim, o lead não terá dúvida sobre o que fazer em seguida.

Dica: Use a metodologia K.I.S.S (keep it simple, stupid ou mantenha isso simples, estúpido). Quanto mais simples a chamada, melhor.

5. Distribua os elementos

Aqui vale a regra de ouro do design: distribua bem os elementos e aproveite os espaços em branco.

Distribua o texto em bullet points, frases curtas e subtítulos — lembre que o texto para a internet deve ser escaneável. Opte por descrever a oferta pelos benefícios que ela oferece, não por suas características.

Crie uma conversa entre os elementos da página (vídeo ou imagem, formulários, CTAs e chamadas), utilizando a área branca para melhorar a compreensão das mensagens.

Dica: Lembre que as cores possuem significado e são responsáveis por criar uma conexão emocional com o visitante; por isso, dose bem as combinações. Listamos alguns exemplos:

  • Vermelho – Perigo, pare, negativo, emoção, quente, dinâmica, paixão
  • Azul – Calma, confiança, segurança, tecnologia
  • Verde – Crescimento, positivo, confortante, saúde, tranquilidade
  • Amarelo – Emocional, positivo, cautela
  • Branco – Puro, limpo, honesto
  • Preto – Sério, pesado, morte, sofisticado
  • Cinza – Integridade, neutro, fresco, maduro
  • Marrom- Saudável, orgânica, despretensiosa
  • Ouro – Conservador, estável, elegante
  • Laranja – Emocional, positivo, energia, alegria, calor
  • Roxo – Contemporâneo, nobreza, poder
  • Rosa- Jovem, feminino, moderno

Um bom exemplo de uso e distribuição das cores são as landing pages utilizadas pela Euromotors BMW para divulgação de ofertas da Black Friday 2017.

Os tons de preto e cinza destacam a elegância relacionada aos veículos premium e o azul é responsável por destacar as informações mais importantes.

landing page euromotors bmw
Landing page de oferta da Euromotors BMW

6. Desperte o senso de urgência

Para captar a atenção do consumidor, você pode adotar algumas estratégias para despertar o senso de urgência.

Uma delas é utilizar as chamadas “provas sociais”. Integrações que mostram o número de curtidas e compartilhamento da oferta ou da concessionária nas redes sociais são um exemplo disso.

Você também pode adotar um cronômetro regressivo para a oferta ou, ainda, incluir o número de unidades já vendidas ou reservadas do produto. Uma forma de fazer isso é utilizar os gatilhos mentais.

Conclusão

O sucesso da campanha online da sua concessionária pode estar comprometido se você não investe em landing pages.

Elas são a página de “aterrissagem” do visitante na sua oferta. Precisam ser diretas, informativas e tentadoras!

Empresas que alcançaram grandes resultados com as vendas na internet, como o Grupo Grand Brasil, investiram pesado na construção de super landing pages, como explicamos neste post.

O ideal é que a sua concessionária encontre a ferramenta que facilite a construção e edição dessas páginas com agilidade — algo muito necessário no mercado automotivo.

Gostou deste post? Conta para a gente nos comentários! E não esqueça de compartilhar este material com o seu time!