O que os carros mais vendidos de 2021 nos ensinam sobre 2022

Tempo de leitura: 4 minutos

Entendendo o que aconteceu neste ano de 2021 é possível se planejar melhor e ter mais previsibilidade para o próximo ano. Por isso, vamos entender sobre os carros mais vendidos de 2021 para utilizar no planejamento para 2022.

Antes de mais nada, o comportamento do consumidor muda de maneira gradativa, raramente tendo mudanças bruscas. Principalmente em um mercado de ticket mais alto, como é o automobilístico, é possível rastrear esse comportamento e prever algumas mudanças e tendências.

Mas, não adianta fazer de qualquer maneira, é necessário fazer uma boa análise para identificar, adicionar ao planejamento e seguir as possíveis tendências.

Então, se ainda não sabe como se planejar, já falamos sobre isso anteriormente.

Então, vamos analisar os carros mais vendidos de 2021 para traçar um plano de ação.

Os carros mais vendidos de 2021

Durante o ano, de acordo com emplacamentos e outros documentos é possível identificar os veículos mais vendidos do ano.

Fiat Strada com câmbio CVT chegará às lojas até dezembro

De acordo com a Autoo, os 10 veículos mais vendidos do ano foram:

  1. Strada (Fiat)
  2. Argo (Fiat)
  3. HB20 (Hyundai)
  4. Renegade (Jeep)
  5. Toro (Fiat)
  6. Compass (Jeep)
  7. Mobi (Fiat)
  8. Onix (Chevrolet)
  9. Creta (Hyundai)
  10. Gol (Volkswagen)

A partir dessa lista, pode-se tirar insights valiosos.

Aprendizados do ano

1 – O ticket médio não é mais o principal parâmetro

Em outros tempos, o principal parâmetro que fazia um carro ser muito vendido ou não era o ticket médio.

Como podemos ver na lista, isso não se aplica mais.

Vários veículos que têm ticket mais alto estão em posições mais altas na lista.

Por isso, outros fatores fazem diferença na hora de estar vendendo um veículo:

  1. Branding da montadora
  2. Experiência de compra
  3. Estratégia digital bem definida
  4. Acessibilidade de canais
  5. Produção de conteúdo
  6. Presença nas redes sociais

Existem outras coisas que também influenciam, mas, se atentar ao que foi citado já pode deixar qualquer negócio mais a frente quando se trata de estratégia.

2 – O digital faz diferença

Dentre os 10 veículos mais vendidos, 6 vem da montadora Stellantis.

Dentre todas as montadoras, a Stellantis traz um programa com foco no digital de maneira consistente: o Digital Dealer Marketing (DDM).

Isso não quer dizer necessariamente que a grande maioria das vendas começaram ou tiveram participação online, mas a disponibilidade de ter o digital como alternativa, incentiva o aumento das vendas de veículos.

Se atentar ao digital como alternativa já pode prejudicar uma concessionária. O digital, atualmente, é mais do que uma obrigação para qualquer concessionária, revenda e multimarca.

A AutoForce é parceira da montadora e fornece tecnologia para as concessionárias possam trabalhar a estratégia digital da melhor maneira possível.

3 – Não esquecer dos veículos de entrada

Mesmo não estando nas primeiras posições, os veículos de entrada estão presentes na lista.

Por isso, utilizar eles na estratégia de vendas pode ser muito proveitoso e lucrativo.

Além disso, eles podem ser utilizados para criar um relacionamento com o cliente, que pode ocasionar um aumento proximidade concessionária-cliente e vendas novas podem surgir.

Esse modelo de vender um produto de entrada visando um relacionamento é chamado de esteira de produtos e acaba sendo muito importante na estratégia de vendas. Mas, não adianta vender por vender, é necessário visar uma experiência para o cliente.

Algumas dicas para melhorar a experiência do cliente:

  1. Faça o cliente se sentir especial e não só “mais um”
  2. Não tente negociar visando o maior lucro
  3. Foco no cliente
  4. Acompanhe o cliente no pós venda
  5. Se não fechar, mantenha o contato
  6. Faça o cliente ver o negócio como um amigo e não como uma “empresa qualquer”

Conclusão

Análises devem ser feitas constantemente.

Mesmo de uma perspectiva mais simplista, você percebeu que é possível tirar grandes aprendizados e já criar imediatamente um plano de ação para focar no próximo período.

Por isso, tenho um convite para te fazer!

A AutoForce criou um kit de planejamento completo para 2022, com tendências, datas importantes e vários outros fatores que podem te ajudar muito na hora de planejar o ano.

Tudo isso gratuito.

Não adianta deixar para a última hora e acabar se decepcionando.

Para baixar o material é só clicar aqui.