Porque adotar o ecommerce de veículos em 2022?

Tempo de leitura: 6 minutos

O setor automotivo tem passado por várias mudanças nos últimos dois anos. O comportamento do consumidor mudou, as montadoras criaram programas de aceleração digital, novas dinâmicas de compra e venda de veículos entraram em questão, entre outras. Para 2022, o mercado vai continuar trazendo novidades: uma delas é a venda 100% digital. Dessa forma, vale a reflexão sobre o porquê adotar o e-commerce de veículos para o próximo ano.

Essa tendência foi acelerada durante a pandemia e até forçada devido a certas situações do período. Por exemplo, no caso da Murano Veículos, que no período de decreto do Governo precisou fechar as portas, mas adotou as vendas 100% digitais e entregou 130 veículos na casa dos clientes.

Nos EUA o modelo já foi validado e a compra online de automóveis é mais uma opção para os consumidores. Segundo uma pesquisa realizada pela ACERTUS, 80% dos compradores de veículos estão agora abertos para a compra 100% online.

No Brasil, o cenário ainda está no início, mas é importante notar que isso vem crescendo. A tendência é que as vendas online estejam cada vez mais presentes no dia a dia das concessionárias e revendas.

Por isso, você deve entender o porquê adotar o ecommerce de veículos para 2022. Abaixo você encontrará 3 bons motivos.

Compras online mais comum no dia a dia das pessoas

porquê adotar o ecommerce de veículos em 2022

O primeiro passo para entender o porquê adotar o ecommerce de veículos, é perceber que as vendas online fazem parte do dia a dia dos consumidores. Ou seja, ações como pedir comida, carona, pagar as contas, alugar a casa, contratar profissionais e etc, são feitas online por várias pessoas.

Uma pesquisa realizada pela ConQuist consultoria, mostrou que 71% dos entrevistados passaram a preferir as compras online após a pandemia. Sendo assim, vale a consideração na hora de pensar na jornada de compra de veículos.

Além disso, os consumidores já realizavam as etapas de pesquisa e consideração pela internet. Basta questionar qualquer vendedor para ter exemplos de clientes que chegavam na concessionária apenas para fechar a compra ou realizar o test drive. Dessa forma, faltava apenas o passo da venda pela internet para a jornada de compra ser 100% online.

No entanto, já é possível realizar essa etapa e oferecer mais facilidade e comodidade para os clientes. Afinal, ele não precisará perder horas no deslocamento para a concessionária e no processo de compra. Você vai entender mais sobre isso no final do artigo.

Em resumo, significa dizer que as compras online estão mais presentes no dia a dia dos consumidores e não será diferente para o setor automotivo. Mas, é claro, que parte dessas vendas serão fechadas através de experiências omnichannel.

Por exemplo, o cliente poderá realizar as pesquisas online, visitar a concessionária para fazer um test drive ou ver mais sobre o veículo, voltar para casa e fechar negócio através da loja virtual. Portanto, as ações offline darão suporte ao online e vice-versa.

Melhor momento para atualizar o modelo de negócio

O atual cenário de crise que o setor automotivo vive devido a falta de semicondutores é cheio de desafios. A baixa produção de veículos e o reflexo na falta de estoque nas concessionárias causam o sentimento de apreensão nos dealers.

Essa situação leva a um problema ainda maior: a paralisação. Como resultado, os gestores se tornam reativos, cautelosos e agem apenas em momentos de certeza absoluta. No entanto, esse comportamento deixa passar várias oportunidades que surgem na mesa, além de engavetar projetos importantes que poderiam ser desenvolvidos em períodos como este.

Neste momento, as concessionárias e revendas, deveriam investir em organização e evolução dos seus modelos de negócios. Em outras palavras, significa estudar e compreender novas formas de criar e entregar valor para os seus clientes.

Além disso, atualizar o time de gestão, vendas e marketing nas novas metodologias e tecnologias de vendas. Ou seja, preparar a casa para aproveitar as oportunidades como a venda 100% online e a omnicanalidade.

É ter uma posição proativa ao contrário da reativa. Separei um artigo onde você vai encontrar uma boa reflexão sobre o tema, clique aqui para ler.

Oportunidade de sair na frente da concorrência

Pegando o gancho do tópico anterior, grande parte dos dealers não vão adotar o ecommerce por receio de iniciar novos projetos. Essas pessoas preferem agir de forma reativa esperando o mercado e concorrência sinalizar as mudanças. No entanto, ganha vantagem quem sai na frente.

Assim como qualquer modificação nos negócios, é preciso tempo para se adaptar e engajar todo o time. Dessa forma, as concessionárias e revendas que passarem por esse caminho primeiro, terão vários benefícios a frente dos concorrentes que entrarem depois.

Por isso, o melhor momento para adotar o ecommerce de veículos é agora, pois quando seus concorrentes prestarem atenção nessa mudança, você já terá certa vantagem competitiva.

Mudança de mindset

Para aderir as mudanças também é necessário mudar o mindset. De nada adianta abrir uma loja virtual para sua concessionária se você não buscar a proatividade, afinal, não basta contratar uma ferramenta de ecommerce e esperar que chovam vendas.

Para obter resultados e construir um ecommerce de veículos de sucesso, é preciso usar esse recurso com os cliente, ou seja, seu time precisa se engajar com a plataforma e buscar fechar negócios através dela.

Investir em campanhas de tráfego pago, criar estratégias de divulgação da loja virtual e oferecer a opção de compra 100% digital para os leads que chegam até o time de vendas são passos fundamentais para colher os frutos. Em resumo, fazendo uma analogia com o princípio de Pareto, seu desempenho vem de 20% da tecnologia e 80% pelo o que você faz com ela.

Recentemente, também contamos sobre as mudanças que vão acontecer nas concessionária no pós pandemia. Assista o vídeo abaixo:

Conheça o AutoCommerce

Agora que você já viu 3 ótimos motivos de porquê adotar o ecommerce de veículos em 2022, quero te convidar a conhecer a ferramenta AutoCommerce.

Pois apesar da tecnologia não ser a única responsável pelos seus resultados, a escolha dela afeta diretamente na suas vendas e crescimento da empresa. A solução precisa dar suporte a todas as suas ações de marketing digital e diminuir os atritos na jornada de compra dos clientes.

Existem alguns aspectos principais que você precisa avaliar no momento de escolher a ferramenta como integrações, otimização para SEO, Gateways de pagamento, atualizações, suporte e autonomia para o time. E tudo isso você terá com extrema qualidade no AutoCommerce.

Caso queira mais informações, é só clicar no banner abaixo e solicitar uma demonstração gratuita.